27/02/2007

Unidade Pescar AGCO do Brasil começa mais um curso gratuito de iniciação profissional

Curso de Iniciação Profissional em Processos Industriais oferece formação para o trabalho e ensinamentos sobre relações humanas e cidadania para jovens em situação social de risco.
A Unidade Projeto Pescar AGCO do Brasil abriu mais duas turmas de 15 alunos para o Curso de Iniciação Profissional em Processos Industriais, em suas fábricas nas cidades de Canoas e Santa Rosa, ambas no Rio Grande do Sul. O curso, de 800 horas, é oferecido gratuitamente para jovens de ambos os sexos, com 18 anos completos até outubro de 2007, de famílias de baixa renda e que tenham completado ou estejam cursando o ensino médio. O curso é realizado de 26 de fevereiro a 15 de dezembro de 2007, no turno da tarde. Antes do início das aulas, foi realizada uma reunião com pais e responsáveis pelos jovens com o objetivo de aproximá-los e apresentá-los ao Projeto Pescar e às instalaçãos da AGCO do Brasil, onde acontecem as aulas. Na ocasião, pais e alunos assinaram as Normas de Convivência do Jovem. Participaram da aula inaugural funcionários voluntários, gerentes e supervisores da AGCO do Brasil, além de coordenadores do Projeto Pescar. Em Canoas, a aula foi aberta pelo Diretor Nacional de Vendas, Carlito Eckert. Em Santa Rosa, a turma foi recebida pelo gerente de manufatura da empresa, Aldemir Eduardo Ulrich. O Programa Escola AGCO – Projeto Pescar já preparou e encaminhou mais de 80 alunos, oferecendo formação para o trabalho e ensinamentos fundamentais sobre relações humanas e cidadania. Além de administrar duas Unidades do Projeto Pescar em suas fábricas, a AGCO do Brasil é também empresa mantenedora do projeto. Desde sua criação, o Projeto Pescar já formou mais de dez mil jovens. Hoje, atende 1.335 jovens, em dez Estados brasileiros e na Argentina através de 84 unidades.